PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

Pelo segundo ano, Google cancela brincadeiras de 1º de abril

Um e-mail foi enviado aos funcionários pelo vice-presidente de marketing da empresa que explicou que a decisão foi em respeito também às vítimas que lutam contra a Covid-19

Júlia Duarte
10:57 | 01/04/2021
Logotipo do Google é exibido dentro de um prédio de escritórios em Zurique, Suíça. (Foto: Arquivo Reuters/Arnd Wiegmann/Direitos reservados)
Logotipo do Google é exibido dentro de um prédio de escritórios em Zurique, Suíça. (Foto: Arquivo Reuters/Arnd Wiegmann/Direitos reservados)

O Google cancelou pelo segundo ano consecutivo as famosas brincadeiras de 1º de abril aplicadas aos usuários da plataforma no dia da mentira. A empresa avaliou que o momento atual de pandemia não era adequado.

Segundo o site Business Insider, os funcionários receberam um e-mail avisando a suspensão das brincadeiras. O texto foi enviado pelo vice-presidente de marketing da empresa que explicou que a decisão foi em respeito também às vítimas que lutam contra a Covid-19. O G1 confirmou a veracidade do aviso.

LEIA MAIS: Google cancela brincadeiras de Dia da Mentira para combater notícias falsas durante pandemia

"Em 2020, nós tomamos a decisão de fazer uma pausa em nossa tradição de celebrar o 1º de abril no Google em respeito a todos que estão lutando contra a Covid-19. Com uma grande parte do mundo ainda enfrentando sérios desafios, vamos novamente pausar as brincadeiras de 1º de abril em 2021", disse o executivo.

A tradição da empresa acontece desde 2005, mas foi cancelada em 2020. O objetivo era evitar qualquer tipo de notícia falsa, respeitar os afetados pela pandemia e focar todos os esforços da empresa em promover informações de qualidade sobre o novo coronavírus.

Em outros anos, o Google aproveitou a data para fazer pegadinhas com quem usa os serviços da empresa, como a busca e o e-mail. Já foi colocado um tradutor para animais na ferramenta de tradução, além de um botão que enviava um GIF de um Minion (do filme Meu Malvado Favorito) soltando um microfone, incluído ao lado do botão "enviar" no Gmail. 

As brincadeiras costumam ser também bem elaboradas para que os usuários acreditem realmente na mentira. Em 2012, eles brincaram sobre anunciar a expansão para o ramo alimentício, com uma barrinha cheio de fibras e nutrientes. “Não é apenas uma barrinha, é uma barrinha de fibras do Google”, repetem diversas pessoas. A empresa já brincou sobre a criação de um site de relacionamento, uma possível base humana em Marte, um leitor de mentes e outras tecnologias.