PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

Brasileiros são finalistas em concurso mundial de nanoarte; saiba como votar

A votação popular que elegerá os vencedores da NanoArtography 2020 terminam nesta sexta-feira, 13

Catalina Leite
13:13 | 13/11/2020
Big Ones Little Ones. (Foto: Ricardo Tranquilin)
Big Ones Little Ones. (Foto: Ricardo Tranquilin)

Com certeza você já se deparou com imagens impressionantes do Universo: gigantescos planetas, constelações de estrelas e massivas supernovas. No entanto, no meio das possibilidades com escalas tão grandes que são quase inimagináveis, existe um mundo microscópico guardando sua própria beleza. É o que o concurso mundial NanoArtography 2020, promovido pelo Instituto A. J. Nanomaterials da Universidade Drexel, dos Estados Unidos, objetiva demonstrar por meio da nanoarte

Unindo nanotecnologia e arte, o concurso elege as imagens mais bonitas e criativas desse universo invisível aos olhos humanos. Significando "anão" em grego, a escala nano no sistema métrico representa o bilionésimo de um metro. São oito zeros atrás da vírgula seguido do número um: 0,000000001 metro. Explicação vai, explicação vem, o nano é muito pequeno - difícil demais para imaginar. Por isso, é melhor ver:

 

Clique na imagem para abrir a galeria

Essas são as dez imagens finalistas de brasileiros concorrendo aos prêmios do concurso mundial, contra outros 109 inscritos. Serão três vencedores eleitos por um painel de jurados com formação em ciência, engenharia e arte. O primeiro lugar receberá 700 dólares, o segundo, 300 dólares e o terceiro, 100 dólares.

Ainda há três prêmios populares: o People’s Choice ($500), Drexel People's Choice ($100) e IUPUI People's Choice ($100). A votação popular termina nesta sexta-feira, 13, às 18 horas (horário de Brasília), por meio de curtidas e compartilhamentos da foto no Facebook. A postagem está incorporada no final da matéria.

Todos os competidores brasileiros são do estado de São Paulo, a maioria pesquisadores da Universidade Federal de São Carlos (UFScar) e da Universidade Estadual de São Paulo (Unesp). Inclusive, um dos participantes, Ricardo Tranquilin, já venceu o segundo lugar da NanoArtography 2019, com a obra Sweet Tubes. 

Sweet Tubes.
Sweet Tubes. (Foto: Ricardo Tranquilin)

O doutor em Ciência e Tecnologia dos Materiais e pesquisador associado da UFScar criou a imagem com trióxido de tungstênio para passar a ideia de "associação da natureza". "A ideia geral deste trabalho é a associação da natureza às imagens microscópicas, tanto nas suas formas como nas suas cores, para que seja possível convergir o mundo microscópico para o mundo comum, onde assim podemos mostrar que este pequeno mundo funciona com as mesmas formas do mundo macro", descreve Ricardo na imagem vencedora.

Ao portal Uol, Tranquilin explicou que, por se tratarem de imagens científicas, elas são capazes de atiçar a curiosidade das pessoas. Assim, elas sentem vontade de saber qual o composto químico ou material utilizado para criar os formatos e também as aplicações deles. Veja os outros vencedores de 2019.

Para votar, acesse a publicação abaixo:

VOTE NOW! People's Choice award will be chosen based on the highest number of AUTHENTIC likes and shares an image...

Publicado por NanoArtography em Terça-feira, 27 de outubro de 2020