PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

"Mensagens assustadoras" podem travar o WhatsApp; saiba mais sobre o erro

Por ainda não existir um nome definitivo para o travamento, os termos "travar", "binario", "contact bomb", "TravaZap" ou "crashers" são os mais utilizados.

Marília Freitas
12:25 | 08/09/2020
Mensagens com longos caracteres sem sentido são enviadas através do aplicativo (Foto: Reprodução/Twitter)
Mensagens com longos caracteres sem sentido são enviadas através do aplicativo (Foto: Reprodução/Twitter)

Você já teve o seu WhatsApp 'travado' após receber uma mensagem ou algum contato? O problema existe há cerca de três anos e não há previsão para ser solucionado, de acordo com o portal especializado no aplicativo, WABetainfo, que apurou sobre o fenômeno - inclusive, cada vez mais recorrente no Brasil.

"Recebo esse relatório todos os dias, na verdade, principalmente de usuários brasileiros. Infelizmente, não é uma notícia falsa. @WhatsApp deveria realmente considerar este grande problema", alertaram através de uma postagem no Twitter que mostra a reclamação de um usuário brasileiro do WhatsApp em um fórum online.

"Existe uma tendência agora no Brasil, onde se você enviar algumas combinações muito longas de caracteres para o WhatsApp de alguém, e assim que seu telefone receber, ele simplesmente congela", comentou o brasileiro, explicando que as mensagens podem travar até mesmo todo o sistema de um celular mais antigo e que o processo se repete ao longo que o aplicativo é reiniciado.

Tanto os usuários do WhatsApp para Android e iOS vem sofrendo com o problema, que ocasiona a perda das mensagens do aplicativo caso não seja feito um backup anteriormente. 

Como o WhatsApp é travado?

O travamento do WhatsApp acontece através do envio das "scary messages" (mensagens assustadoras, em tradução livre) ou através de um vcard (arquivo que possibilita o envio de cartões postais ou de contatos por meio das mensagens).

Tudo começa quando um usuário do WhatsApp lhe envia uma sequência de caracteres estranhos. Quando lidos por um humano, eles não fazem sentido. Porém, ao tentar renderizar a combinação, o aplicativo não consegue devido a sua estranha estrutura dos caracteres, causando o travamento infinito do WhatsApp - em outras palavras, quando você tenta mexer no aplicativo, ele congela e trava, impossibilitando até mesmo de reiniciá-lo. O tweet abaixo traz alguns exemplos das mensagens:

Se o WhatsApp trava após receber a mensagem, como ela é enviada? Há algumas versões do aplicativo criadas por terceiros exclusivamente para o envio dessas mensagens. Elas garantem que o WhatsApp não trave após receber as mensagens - entretanto, as versões não são oficiais e não são recomendadas pela empresa por não garantirem o envio das mensagens com a tecnologia de criptografia, por exemplo. Conforme o portal apurou, existem muitos grupos no WhatsApp destinados apenas ao envio e a criação dessas mensagens.

Outro envio que ocasiona o bug é o compartilhamento de contatos pelo app. Se você abrir um dos contatos enviados por essa pessoa, haverá cerca de outros 100 recomendados. Cada um deles terá nomes estranhos e longos caracteres, onde ficará o código de travamento. Por ainda não existir um nome definitivo para o travamento, os termos "travar", "binario", "contact bomb", "TravaZap" ou "crashers" são os mais utilizados.

Como se proteger do "TravaZap"?

 

Devido às diversas combinações possíveis, o problema ainda não foi resolvido pelo WhatsApp e ainda não há previsão para o conserto. Entretanto, há alguns passos que o usuário pode fazer para tentar se proteger antes, durante e depois do ataque de acordo com o WABetainfo:

- Se você receber uma mensagem assustadora, tente bloquear o contato através do WhatsApp Web;

- Em seguida, defina as configurações de privacidade do grupo para “Meus contatos” ou “Meus contatos, exceto ..” (porque outros contatos desconhecidos podem adicioná-lo em grupos, enviando uma mensagem assustadora);

- Remova a mensagem que contém o código de falha, se possível, do seu WhatsApp;

- Faça o backup das suas conversas, ao mínimo, uma vez por semana; caso aconteça algo, suas mensagens ficarão salvas;

- Caso você não tenha acesso ao WhatsApp Web na hora do crash, infelizmente o aplicativo terá que ser reinstalado e as mensagens reiniciadas, caso o backup não esteja ativo;