PUBLICIDADE
Notícias

A partir de 15 de abril GVT deixa de existir

A operadora Vivo comprou a operadora brasileira por mais de 7 bilhões de euros

15:23 | 26/02/2016
NULL
NULL

A marca GVT vai sumir do mercado a partir de 15 de abril. A informação chega pouco mais de um ano após a Telefônica comprar a operadora brasileira por mais de 7 bilhões de euros, dando a operadora de telefonia móvel Vivo a oportunidade de se expandir em telefonia fixa, banda larga e TV por assinatura para fora do estado de São Paulo.

Segundo o Tecnoblog, a GVT esclareceu que o atendimento telefônico será alterado e que haverá mudanças nos aplicativos e serviços. Os sites da GVT e Vivo serão unificados a partir do dia 2 de abril. O cliente que precisar entrar em contato terá que ligar para 103 15 em vez de 103 25. A Vivo afirmou que os pacotes atualmente contratados pela GVT serão honrados.

Os clientes da GVT poderão fazer parte do Vivo Valoriza, programa de fidelidade que dá descontos em cinema, serviços e aparelhos. Os aplicativos da GVT também serão renomeados: GVT Freedom, GVT Protege e Minha GVT passando a se chamar Vivo Freedom, Vivo Protege e Meu Vivo Fixo, respectivamente. A Vivo informou ainda que os clientes de telefonia fixa, banda larga e TV por assinatura da GVT terão descontos em planos do Vivo Móvel.

Redação O POVO Online

TAGS