Após críticas de Barroso, Mourão diz que decisões do ministro serão 'sempre tendenciosas'

O ex-vice-presidente e hoje senador Hamilton Mourão (Republicanos-RS) disse nesta quinta-feira, 13, que as decisões do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), serão "sempre tendenciosas", rebatendo a declaração do magistrado de que "derrotamos o bolsonarismo".

"No momento em que um magistrado da Suprema Corte coloca publicamente sua posição contrária à direita, fica claro que suas decisões sempre serão tendenciosas", disse o senador gaúcho, que foi vice de Jair Bolsonaro (PL).

O ministro Barroso esteve na noite de quarta-feira, 12, no congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), quando disse: "Nós estamos criando um futuro novo e enfrentando a desigualdade racial de modo que eu saio daqui com a energia renovada pela concordância e pela discordância, porque essa é a democracia que nós conquistamos. Nós derrotamos a censura, nós derrotamos a tortura, nós derrotamos o bolsonarismo para permitir a democracia e a manifestação livre de todas as pessoas".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A fala reverbera negativamente entre a direita e os apoiadores do ex-presidente, que já afirmaram que pedirão ao senado o impeachment do ministro.

Durante o congresso, Barroso foi criticado por estudantes e vaiado, por causa dos posicionamentos dele no impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) e no processo que discute o piso salarial da enfermagem.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Barroso UNE oposição impeachment pedido Mourão

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar