Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

"A candidata é a Simone. Está definido", diz Tasso sobre eleição

Questionado se pretendia se candidatar a outro cargo eletivo, caso não seja indicado para a vice de Tebet, o senador cearense negou a possibilidade

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) confirmou que a senadora Simone Tebet (MDB-MS) será a candidata a presidente da República nas eleições de 2022, em coligação que deve contar com ambos os partidos, além do Cidadania. A declaração foi dada durante homenagem nesta segunda-feira, 30, no segundo encontro Estadual dos agentes comunitários de saúde e endemias no Ceará.

“A candidata é Simone Tebet. Está definido, essa foi a posição de 80 a 90% do nosso partido (...) Não existe mais dentro do PSDB, e da coligação, nenhuma outra alternativa. Como provavelmente a vice vai ser indicada pelo PSDB, tem surgido essa especulação (de Tasso ocupar a vice), mas isso vai ser discutido dentro do partido durante esta semana”, comentou.

A fala do tucano ocorre uma semana após o ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) anunciar a retirada de seu nome da disputa pela Presidência da República. A desistência, no último dia 23, foi transmitida ao vivo e realizada na capital paulista.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Hoje, neste 23 de maio, entendo que não sou a escolha da cúpula do PSDB. O PSDB saberá tomar a melhor posicionamento para as eleições (...) Me retiro da disputa com o coração ferido, mas a alma leve", disse Doria na ocasião.

Doria deixou a disputa após pressão tanto de correligionários como de outros partidos que tentam viabilizar a chamada "terceira via". Desde que venceu as prévias do PSDB, no ano passado, Doria não conseguiu emplacar nas pesquisas, figurando atrás de Bolsonaro, Lula e do ex-ministro Ciro Gomes (PDT). 

A desistência, em tese,  beneficiou dois nomes: o ex-governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB) e a senadora Simone Tebet (MDB). Parte da cúpula tucana defendeu apoio à emedebista, enquanto outra parcela insistia que o PSDB precisava ter candidatura própria e queria Leite como representante.

LEIA MAISPor que Doria desistiu de disputar a Presidência?

De acordo com Tasso, está definido que Tebet será a candidata apoiada pela maioria dos tucanos. O parlamentar cearense confirmou ainda a tendência de que a vice da chapa seja do PSDB e não descartou que seja ele próprio o nome a representar a sigla.


Com informações do repórter Henrique Araújo

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar