Participamos do

Veja como reagiram os opositores de Bolsonaro após morte de Olavo de Carvalho

Políticos lembraram as ações negacionistas do escritor e o fato de ele minimizar a pandemia de Covid-19
15:01 | Jan. 25, 2022
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter de Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O escritor Olavo de Carvalho morreu na segunda-feira, 24, aos 74 anos. O anúncio foi feito pelas redes sociais na madrugada desta terça-feira, 25. Também pela internet, além das homenagens feitas por bolsonaristas, políticos de oposição usaram as redes sociais para ironizar a suspeita de o escritor ter vindo a óbito pela Covid-19, doença que minimizava junto à vacina. 

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) lembrou as polêmicas envolvendo Olavo e afirmou que “não tem motivo algum para lamentar”.

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) afirmou que o escritor “sempre negou a ciência” e questionou a causa de sua morte. 

Nas redes sociais, a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) disse que Olavo influenciou com seu discurso e “levou muitos a minimizar a pandemia”. 

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), ex-relator da CPI da Covid, comentou a morte do escritor. O parlamentar disse que Olavo “negou o vírus” e “será sepultado na Terra Redonda”. 


 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags