Participamos do

Uso de púlpito por Moro no Senado não foi autorizado por Pacheco

O espaço em frente à Presidência do Senado geralmente é usado pelo presidente da Casa. Porém, não é exclusividade deste
11:08 | Nov. 26, 2021
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter de Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), não autorizou que Sérgio Moro, seu provável adversário nas eleições presidenciais de 2022, utilizasse o púlpito da Presidência da Casa na terça-feira, 23. Segundo informações da coluna do jornalista Guilherme Amado, do Metrópoles, horas antes de uma entrevista coletiva de Moro e senadores do Podemos no local, o comando do Senado emitiu um documento negando o uso do espaço.

O púlpito em frente à Presidência do Senado geralmente é usado pelo presidente da Casa. Porém, não é exclusividade deste. Além de líderes de governo, em 2020, o governador de São Paulo, João Doria, e senadores da oposição já fizeram uso do espaço para lançar críticas ao governo do presidente Jair Bolsonaro. Eles criticaram o desdém do governo Bolsonaro com a Coronavac.

Seguranças da Presidência chegaram a avisar aos jornalistas que a entrevista não poderia acontecer naquela localidade. Mesmo assim, o ex-ministro e aliados chegaram ao local pontualmente e fizeram a entrevista normalmente. Na ocasião, Moro criticou a PEC dos Precatórios, pauta de interesse do Planalto, e saiu em defesa do teto de gastos. 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags