Participamos do

Silas Malafaia cria "jornada religiosa" à Dubai e recebe críticas nas redes sociais

A polêmica se dá porque Jesus não passou pela capital dos Emirados Árabes, cidade que também não é citada no livro religioso
14:18 | Nov. 21, 2021
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

"Você sonha em conhecer os lugares que a Bíblia cita e os locais por onde Jesus passou?", convida o pastor Silas Malafaia, presidente da Assembleia de Deus Vitória em Cristo. Ele publicou a pergunta no Twitter, na última quinta-feira, 18, para chamar seus seguidores a partirem em caravana para Israel e Dubai em 2022.

A polêmica se dá porque Jesus não passou por Dubai, cidade mais famosa dos Emirados Árabes Unidos. A cidade também não é citada na Bíblia. Logo depois, o líder religioso apagou a publicação. Mesmo assim, o post de Malafaia virou alvo de piada, com menções de usuários a Jesus "abrindo as águas" da piscina do hotel Burj Al Arab.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Silas também virou alvo de críticas por estar promovendo turismo enquanto pessoas pobres enfrentam situações de extrema pobreza. A caravana é de alto custo, com pacote para passar pelos Emirados Árabes e Israel em dez dias por R$ 25,4 mil. O valor inclui passagem aérea em classe econômica, hotéis quatro estrelas, traslado nos hotéis e aeroportos, café da manhã e jantar, passeios e ingressos do roteiro, seguro-viagem e guias que falam português.

 

 

Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags