Participamos do

Renan lê relatório final da CPI da Covid; acompanhe ao vivo

Em reunião na noite de ontem, senadores resolveram retirar acusações de homicídio e genocídio contra Bolsonaro
13:10 | Out. 20, 2021
Autor Carlos Mazza
Foto do autor
Carlos Mazza Repórter de Jornalismo de Dados
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid realiza nesta quarta-feira, 20, sessão onde é realizada a leitura do relatório de Renan Calheiros (MDB-AL) concluindo os trabalhos no grupo. O texto pede o indiciamento de Jair Bolsonaro por nove crimes.

Acompanhe a leitura do relatório ao vivo:

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Na noite desta terça-feira, 19, o “G7” – grupo de sete senadores de oposição ou independentes – decidiu retirar do texto pedidos de indiciamento pelos crimes de genocídio de indígenas e de homicídio qualificado. Na reunião, o grupo também desistiu de incluir o pastor Silas Malafaia entre os acusados pela comissão.

Resumindo as acusações no relatório, Renan acusou o governo federal de ter "assentido com a morte de brasileiras e brasileiros" por ter sido “omisso e optado por agir de forma não técnica e desidiosa no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus”.

O documento tem mais de 1.110 páginas, distribuídas em 16 capítulos. O Ceará é citado 18 vezes no documento, que chega a incluir uma viagem de Bolsonaro ao Estado em uma das acusações por descumprimento de medidas sanitárias contra a Covid-19.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags