Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Jailton Batista confirma aumento de faturamento acima de 600% com ivermectina

Autor - Agência Estado
Foto do autor
- Agência Estado Autor
Tipo Notícia

O diretor executivo da Vitamedic, Jailton Batista, confirmou um aumento nas vendas da empresa com a ivermectina durante a pandemia de covid-19. O medicamento não tem eficácia comprovada contra o novo coronavírus, mas teve o consumo incentivado pelo presidente Jair Bolsonaro na crise.
Em depoimento √† CPI da Covid nesta quarta-feira, Batista citou um aumento acima de 600% no faturamento da empresa com a venda do medicamento entre 2019 e 2020. Ele confirmou que, no primeiro ano, antes da pandemia, as vendas totalizaram R$ 15,7 milh√Ķes. No ano seguinte, j√° durante a crise da covid-19, o faturamento com o produto foi de R$ 470 milh√Ķes, ou seja, 29 vezes maior do que o ano anterior.
"Houve uma demanda do produto, nós somos fabricantes, nós produzimos o que o mercado demanda. Foi só isso", disse o diretor da companhia aos senadores. "Ele tem a indicação terapêutica para outras doenças. Para qualquer produto nosso, a gente vai produzindo conforme a demanda do mercado."
O empresário informou que, além da rede privada, a empresa vendeu o medicamento para o governo estadual de Mato Grosso e diversos municípios, entre eles cidades do Paraná, Goiás, Ceará, Pará e Acre. "Foram muitos municípios que fizeram aquisição", disse Batista, que declarou um "aumento interessante" nos medicamentos usados pela população na tentativa de combater a covid-19.
Jailton Batista declarou que, conforme a bula, o medicamento é comumente usado no combate a verminoses, sarna e piolho. Apesar disso, ele admitiu que o aumento nas vendas foi diretamente proporcional ao quadro da pandemia no Brasil. O diretor da empresa afirmou que não teria como medir os efeitos da atuação de Jair Bolsonaro nas vendas. Ainda assim, ele afirmou que nenhum outro presidente incentivou o consumo de ivermectina.
D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags

Justiça decide que Governo Federal exija vacinação ou teste negativo de Covid para entrar no Ceará

ECONOMIA
10:56 | Ago. 11, 2021
Autor Beatriz Cavalcante
Foto do autor
Beatriz Cavalcante Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

Justiça decide atendeu pedido do Ceará e decide que Governo Federal deve exigir vacinação ou teste negativo de Covid para a entrada de voos no Estado.

A decisão acata pedido do governador de Ceará, Camilo Santana (PT), diante da preocupação com a disseminação variante Delta do novo coronavírus no Estado.

Trata-se de Ação Ordinária movida pelo Estado do Ceará contra a União Federal e a Agência Nacional da Aviação Civil (Anac) para que seja concedida a concessão de tutela de urgência inaudita para adoção de providências no sentido de somente autorizar o embarque em voos com destino ao Ceará e desembarque de voos particulares (quando não for possível a aferição por ocasião do embarque). 

A ideia é que passageiros provenientes de outros estados do país apresentem comprovante de vacinação atestando a integralização do ciclo de imunização, com a aplicação das duas doses ou dose única ou resultado negativo de exame de antígeno ou RT-PCR realizado em até 72h antes do horário do voo.

Para assegurar o efetivo cumprimento da liminar, foi requerida a imposição de medidas coercitivas, incluindo multa cominatória.

Mais informações em instantes

D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags

Justiça decide: só desembarca no Ceará passageiro com teste ou duas doses de vacina

PANDEMIA
10:52 | Ago. 11, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

A Justiça Federal decidiu que só será permitido desembarque em aeroportos do Ceará de passageiros que comprovem vacinação completa contra Covid-19, com duas doses ou dose única no caso da Janssen, ou que apresente resultado negativo de exame RT-PCR feito até 72 horas antes do embarque.

A decisão é do juiz federal Luís Praxedes Vieira da Silva e atende pedido do Governo do Ceará contra a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). As restrições são tentativa de conter a variante Delta do coronavírus.

A decisão vale para voos comerciais ou voos particulares, no caso de não ter sido possível a medição no embarque.

O magistrado concedeu a tutela antecipada e determinou a notificação à Anac com máxima urgência. "Não se trata de restrição de livre locomoção pelo país, nem restrição ao direito de liberdade, mas de proteção à vida, que é um direito de alta relevância", diz o juiz na decisão.

"(...) a gravidade da situação por todos enfrentada exige a tomada de providências estatais, em todas as suas esferas de atuação, sempre através de ações coordenadas e
devidamente planejadas pelos entes e órgãos competentes, e fundadas em informações e dados científicos comprovados", acrescenta Silva.

A ação judicial havia sido anunciada pelo governador Camilo Santana (PT) na última sexta-feira, 6, como forma de conter os casos da variante Delta, que já somava àquela altura 15 diagnósticos no Estado, todos de passageiros vindos de outros estados.

 

D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags

CPI inicia reunião com depoimento de Jailton Batista, diretor de farmacêutica

POL√ćTICA
10:39 | Ago. 11, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo

A Comiss√£o Parlamentar de Inqu√©rito (CPI) da Covid iniciou na manh√£ desta quarta-feira, dia 11. a reuni√£o para coletar o depoimento de Jailton Batista, diretor de uma empresa farmac√™utica que produz o medicamento ivermectina no Brasil. O empres√°rio foi convocado ap√≥s a CPI questionar o aumento dos ganhos da ind√ļstria durante a pandemia de covid-19 com o rem√©dio sem efic√°cia comprovada para a doen√ßa.
D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags

CPI dos EUA sobe 0,5% em julho ante junho; n√ļcleo avan√ßa menos que esperado

ECONOMIA
10:24 | Ago. 11, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo

O √≠ndice de pre√ßos ao consumidor (CPI, na sigla em ingl√™s) dos Estados Unidos registrou crescimento de 0,5% em julho, na compara√ß√£o com o m√™s anterior e ap√≥s ajustes sazonais, informou nesta quarta-feira o Departamento do Trabalho. O resultado coincidiu com a mediana das expectativas dos analistas consultados pelo Proje√ß√Ķes Broadcast. No m√™s anterior, a alta havia sido de 0,9%.
J√° o n√ļcleo do CPI teve alta de 0,3% em julho na compara√ß√£o mensal, abaixo da previs√£o de alta de 0,4%.
Na comparação anual, o índice cheio do CPI subiu 5,4% em julho, ante expectativa de avanço de 5,3%.
J√° o n√ļcleo do CPI registrou alta de 4,3% em julho, quando a previs√£o era de um ganho de 4,4%.
O Departamento do Trabalho aponta que moradia, alimentos, energia e veículos novos tiveram aumentos em julho, contribuindo para o ganho mensal.
O índice apenas para o setor de energia teve avanço de 1,6% em julho ante o mês anterior, segundo o relatório.
D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags

Covid-19: Butantan chega a 68 milh√Ķes de doses de vacinas entregues

Sa√ļde
10:19 | Ago. 11, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo

Mais 2 milh√Ķes de doses da vacina do Instituto Butantan contra a covid-19 foram entregues ao Programa Nacional de Imuniza√ß√Ķes (PNI) na manh√£ desta quarta-feira (11). Com o novo lote, o instituto¬†chega¬†ao total de 68,849 milh√Ķes de imunizantes entregues¬†ao Minist√©rio da Sa√ļde para vacina√ß√£o em todo pa√≠s.

O nova remessa faz parte dos imunizantes fabricados com o lote recorde de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) da farmacêutica chinesa Sinovac entregues ao Butantan no dia 13 de julho. Na ocasião, chegou ao instituto um total de 12 mil litros da matéria-prima usada para a fabricação dos imunizantes.

A mat√©ria-prima foi envasada no complexo fabril do Butantan, na zona oeste da cidade de S√£o Paulo, e passou por etapas como embalagem, rotulagem e controle de qualidade das doses. Na √ļltima quinta-feira (5), o instituto recebeu nova carga de 4 mil litros de ingredientes para produzir e entregar mais 8 milh√Ķes de doses da CoronaVac.¬†

Contratos

As vacinas liberadas nesta quarta-feira fazem parte do segundo contrato firmado com o Minist√©rio da Sa√ļde, de 54 milh√Ķes de vacinas. O primeiro, de 46 milh√Ķes, foi conclu√≠do em 12 de maio. No total, S√£o Paulo vai entregar 100 milh√Ķes de doses para vacina√ß√£o de cidad√£os brasileiros em todo o pa√≠s. As entregas foram iniciadas em 17 de janeiro deste ano, quando o uso emergencial do imunizante foi aprovado pela Ag√™ncia Nacional de Vigil√Ęncia Sanit√°ria (Anvisa).

D√ļvidas, Cr√≠ticas e Sugest√Ķes? Fale com a gente

Tags