PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Câmara de Fortaleza retoma as atividades presenciais nesta quarta-feira, 2

As sessões serão retomadas em regime híbrido, com limitação de 20 vereadores no plenário

15:31 | 31/05/2021
FORTALEZA, CE, 17-02-2021: Sessao no Plenario da Camara Municipal de Fortaleza. Luciano Cavalcante, Fortaleza. (BARBARA MOIRA/ O POVO) (Foto: Barbara Moira)
FORTALEZA, CE, 17-02-2021: Sessao no Plenario da Camara Municipal de Fortaleza. Luciano Cavalcante, Fortaleza. (BARBARA MOIRA/ O POVO) (Foto: Barbara Moira)

A Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor) se prepara para retomar as atividades em regime híbrido nesta quarta-feira, dia 2. As regras previstas para o novo retorno são as mesmas que guiavam o funcionamento antes do decreto de lockdown, em março deste ano. A principal restrição permanece sendo a do número máximo parlamentares em plenário, que abrigará a presença de apenas 20.

As sessões acontecerão semanalmente, às quartas e quintas, e contarão com uma parcela dos vereadores remotamente. Das 20 presenças garantidas no pleno, três são de membros da Mesa Diretora (presidente, vice-presidente e secretário), que conduzirão os trabalhos.

No Pequeno Expediente, cinco vereadores poderão se inscrever para uso da palavra presencialmente, outros cinco poderão fazer a inscrição na hora, para intervenção em tempo real, por videochamada. No Grande Expediente, 12 vereadores serão previamente inscritos para comparecerem: nove por ordem alfabética e três lideranças (partidária, da oposição e do governo).

Há dois meses com sessões 100% virtuais, o presidente da Câmara, vereador Antônio Henrique (PDT), avalia que “diante da redução dos casos de Covid-19”, é possível dar andamento ao retorno, desde que seja seguido “um rígido protocolo”.

“Para que essa retomada ocorra de forma segura, a Casa tem estabelecido um rígido protocolo que limita a quantidade de vereadores e assessores no plenário e de servidores na sede do Poder Legislativo. Além disso, o uso de máscara e o distanciamento social deverá ser adotado e cumprido, conforme as recomendações dos especialistas, bem como a disponibilização de álcool em gel. Todos nós estamos trabalhando para que esse retorno à nossa sede ocorra conforme os parâmetros sanitários, com foco na garantia do trabalho legislativo e também na preservação das vidas”, declarou Antônio Henrique.