PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Vereador de Catunda, no Ceará, invade estúdio de rádio e agride advogado

O vereador Thiago do Ivan (PDT) invadiu um estúdio de rádio e agrediu o advogado Ronaldo Farias Feijão, que criticava um projeto aprovado na Câmara do município

20:51 | 17/05/2021
Vídeo mostra momento em que o vereador Thiago do Ivan (PDT) invade estúdio de rádio para atacar um advogado em Catunda, Ceará (Foto: Reprodução)
Vídeo mostra momento em que o vereador Thiago do Ivan (PDT) invade estúdio de rádio para atacar um advogado em Catunda, Ceará (Foto: Reprodução)

O vereador Thiago do Ivan (PDT), do município de Catunda (CE), invadiu um estúdio de rádio para agredir o assessor jurídico do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Ronaldo Farias Feijão. O advogado foi abordado com um golpe na cabeça durante participação ao vivo numa emissora de rádio local, na manhã desta segunda-feira, 17.

Ronaldo criticava os votos favoráveis a um Projeto de Lei Complementar (PLC) aprovado no município, quando foi surpreendido pelo vereador que tentou intimidá-lo. A cena foi registrada em vídeo e já circula nas redes sociais.

“Se você falar de mim, fale como um homem. Você preste atenção”, disse o vereador, em tom de ameaça, questionando as críticas que foi alvo. “Preste bem atenção: eu vim aqui só dar o meu recado”, completou.

Ouvido por um veículo de imprensa local, Ronaldo disse que o sindicato tem reivindicado alguns pontos do PLC, que prevê mudanças no regime jurídico dos servidores. Ele acrescenta, no entanto, que os vereadores citados têm espaço para se pronunciar sobre o assunto.

Em nota, a direção da Rádio Planalto FM disse que "lamenta o episódio e entende que a capacidade do diálogo norteia a boa convivência". A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE) de Sobral também lançou nota em repúdio à agressão sofrida pelo advogado. "Informamos que todas as medidas legais cabíveis estão sendo verificadas junto ao colega ofendido e serão tomadas com o devido rigor e apoio da OAB Subsecção Sobral, nas esferas disciplinar, cível e criminal", informou.

O diretório estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT-CE) ainda não se pronunciou sobre o caso. O vídeo foi compartilhado pela deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) numa tentativa de atacar Ciro Gomes, filiado ao partido. Na publicação, ela destaca que o vereador e o ex-governador são correligionários.

TAGS