PUBLICIDADE
Política
Noticia

Prefeito de São Paulo, Bruno Covas é levado para UTI com sangramento

Segundo médicos do hospital Sírio-Libanês, esse tipo de sangramento não é desejável, mas faz parte de um quadro de tratamento contra o câncer que o prefeito passa atualmente.

Filipe Pereira
12:43 | 03/05/2021
Bruno Covas (Foto: Prefeitura de SP)
Bruno Covas (Foto: Prefeitura de SP)

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), foi transferido na manhã nesta segunda-feira, 3, para uma unidade de terapia intensiva (UTI) do hospital Sírio-Libanês, no Centro da capital paulista, após a descoberta de um sangramento no estômago. Neste domingo, 2, o gestor anunciou que vai se licenciar da prefeitura pelo período de 30 dias para poder se dedicar exclusivamente ao tratamento médico contra o câncer.

Covas havia sido internado neste domingo para realizar exames de sangue, de imagens e endoscópico, com o objetivo de prosseguir o tratamento quimioterápico e imunoterápico. Após um exame de endoscopia, os médicos identificaram o sangramento no estômago causado por uma úlcera, em cima do tumor original que ele enfrenta na cárdia, que é a passagem do esôfago para o estômago.

Devido a transferência para a UTI, as sessões de quimioterapia e imunoterapia foram suspensas. Segundo médicos do hospital, esse tipo de sangramento não é desejável, mas faz parte de um quadro de tratamento que o prefeito passa atualmente.