PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Mourão é vacinado com primeira dose da Coronavac em Brasília

15:07 | 29/03/2021

O vice-presidente Hamilton Mourão foi vacinado nesta segunda-feira, 29, com a primeira dose da Coronavac, vacina produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. De manhã, Mourão, de 67 anos, já havia anunciado que iria ser vacinado hoje contra a covid-19.

"É importante que todos sejam vacinados. Cada um dentro da sua vez, chegando a sua hora dentro da fila bonitinho, direitinho", disse a jornalistas após ser vacinado. "A vacina é tranquilinha, não dói. O pessoal pode vir tranquilo, rapidinho", acrescentou.

A vacina Coronavac recebida pelo vice-presidente é uma das duas em aplicação no País contra a covid-19. O imunizante foi chamado de "vacina chinesa de Doria", pelo presidente Jair Bolsonaro, que por diversas vezes colocou em dúvida a segurança do imunizante.

Do alto escalão do governo, já foram vacinados os ministros Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Institucional, de 73 anos, e Paulo Guedes, da Economia, de 71 anos. Nas redes sociais, Mourão destacou ter feito "sua parte como cidadão" ao se vacinar. "Hoje fiz minha parte como cidadão consciente e recebi a primeira dose da vacina contra a COVID-19 (Coronavac). Espero que, em breve, o maior número possível de vacinas cheguem à população brasileira", escreveu.

Na conversa com jornalistas após ter sido imunizado, Mourão evitou comentar o pedido de demissão do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. "Esse assunto não vou comentar", disse. Em janeiro, o vice-presidente chegou a dizer que Araújo poderia ser trocado como parte de mudanças na equipe ministerial. Na época, Bolsonaro negou a possibilidade.