PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Câmara de Aquiraz aprova auxílio emergencial de R$ 500 por mês, mas prefeito afirma que vai vetar projeto

Proposta enviada pelo prefeito para a votação na Câmara sugeria duas parcelas de R$ 250. Casa aprovou texto com emendas

20:14 | 09/03/2021
CASCAVEL, CE, BRASIL,05-05-2019: Bruno Gonçalves. Eleições municipais em Cascavel. (Foto: 08 21:00:53)
CASCAVEL, CE, BRASIL,05-05-2019: Bruno Gonçalves. Eleições municipais em Cascavel. (Foto: 08 21:00:53)

A Câmara de Vereadores do município de Aquiraz aprovou nesta terça-feira, 9, por 8 votos a 6, emendas ao projeto de auxílio emergencial municipal enviado pelo prefeito Bruno Gonçalves (PL). A proposta encaminhada pelo gestor previa duas parcelas de R$ 250 durante dois meses. O Legislativo municipal, por sua vez, aumentou o repasse para R$ 500, durante quatro meses, ao votar o texto.

O prefeito já adiantou que irá vetar o projeto, que voltará à Câmara para uma nova votação. “É um absurdo jurídico e moral”, disse Gonçalves, que alegou que a proposta é inconstitucional, pois sobrecarrega os cofres públicos.

O benefício oferecido pelo município deve atingir cerca de 3 mil pessoas afetadas pelo novo decreto de isolamento social rígido, e que não recebem nenhum tipo de auxílio pelo Estado ou União.