PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

José Sarto: "Vou conversar com todos os vereadores, situação ou oposição"

José Sarto diz que conversará com partidos que o apoiaram no 2º turno de olho em ampliar base aliada na Câmara Municipal

Carlos Mazza
16:37 | 30/11/2020
José Sarto concedeu entrevista à TV Verdes Mares nesta segunda-feira (Foto: Reprodução/TV Verdes Mares)
José Sarto concedeu entrevista à TV Verdes Mares nesta segunda-feira (Foto: Reprodução/TV Verdes Mares)

O prefeito eleito de Fortaleza, José Sarto (PDT), disse nesta segunda-feira, 30, que irá conversar “para ontem” com todos os vereadores eleitos de Fortaleza. Segundo o pedetista, a ideia é dialogar com todos os parlamentares sem exceção, “sejam base ou oposição”.

“Vou começar ontem, até porque nasci para a política no parlamento, fui vereador e sou deputado, presidente da Assembleia, e já devo conversar com todos os vereadores, sem exceção, situação ou oposição, para a gente dizer qual é a nossa ideia de Fortaleza, para que a gente possa pacificar a cidade, unir a cidade”, disse, em entrevista à TV Verdes Mares.

Na disputa deste ano, coligação de Sarto elegeu 25 vereadores, enquanto grupo de Capitão Wagner (Pros) fez 15 cadeiras na Câmara. O prefeito destaca, no entanto, que procurará ampliar a base conversando com partidos que apoiaram ele no 2º turno. "Tenho certeza que será uma boa experiência de diálogo com os vereadores. Nós vamos conversar com os partidos que vieram conosco no 2º turno para construir uma base (...) vou procurar sensibilizar a todos que não estavam conosco já no 1º turno para mostrar esse projeto de Fortaleza”, diz.

O prefeito eleito destaca não “possuir problemas” com oposição, mas que pretende construir uma ponte para divergências “republicanas”. “Não queremos oposição odienta, que faça oposição só porque o Sarto venceu outras candidaturas (...) evidentemente que não queremos tolher crítica alguma”, afirma.

Sarto diz também que pretende "chamar todos os partidos" para conversas nas próximas semanas. "Hoje mesmo devo fazer um calendário de conversas. Vão ser conversas abertas, republicanas, porque ninguém governa sozinho”, diz. Ele destaca, por exemplo, que propostas da causa animal do candidato derrotado do PV, Célio Studart, podem ser adotadas na gestão.

"Queremos pacificar a cidade", destaca. O apelo de Sarto ocorre após ele ser eleito no 2º turno mais acirrado da história de Fortaleza. No último domingo, o pedetista venceu Capitão Wagner (Pros) por apertada margem de 51,6% dos votos contra 48,4%. Fala de Sarto parece "mirar" principalmente no PT, partido que atualmente faz oposição a Roberto Cláudio (PDT), mas que o apoiou no 2º turno deste ano.