PUBLICIDADE
Política
Noticia

Deputado estadual cearense André Fernandes deixa o PSL

Ainda não há informação de qual legenda será o novo destino do parlamentar. Nome forte do bolsonarismo no Estado, Fernandes se envolveu em série de polêmicas e enfrenta risco de cassação de mandato após acusações não comprovadas contra outros parlamentares

17:30 | 01/07/2020
Ação do partido vem como resposta a acusações de Fernandes sobre o deputado Osmar Baquit (Foto: Júnior Pio/AL-CE)
Ação do partido vem como resposta a acusações de Fernandes sobre o deputado Osmar Baquit (Foto: Júnior Pio/AL-CE)

O deputado estadual André Fernandes deixou os quadros do PSL do Ceará oficialmente na tarde desta quarta-feira, 1°. Segundo informou a assessoria do parlamentar, a saída ocorre "de forma pacífica, sem nenhum transtorno ou consequência para o mandato".

Ainda não há informação sobre qual legenda será o novo destino de Fernandes, apoiador ativo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na cena política cearense. No ano passado, divergências com o líder do PSL estadual, deputado federal Heitor Freire, tornaram a situação de Fernandes dentro do partido insustentável.

Há cerca de um ano, Fernandes e seu colega de Casa, deputado Delegado Cavalcante, entraram com pedido de intervenção da executiva nacional do PSL no diretório cearense, escancarando o racha na sigla. No pedido, os parlamentares acusam Freire de agir ao "arrepio da lei" e de burlar o "estatuto da legenda" como presidente do partido no Ceará.

Heitor Freire é parte do grupo do PSL que rachou com o presidente Bolsonaro e, à época, disse que Fernandes queria ver a comissão provisória do PSL Fortaleza transformada em diretório.

Ouça o podcast:

Listen to "#87 - Quem ganha e quem perde com o adiamento das eleições para prefeito" on Spreaker.