PUBLICIDADE
Política
Noticia

TSE suspende cancelamento de títulos eleitorais de quem não fez biometria

Decisão afeta 2,5 milhões de títulos cancelados e foi em razão do período de isolamento social provocado pelo coronavírus. Só em Fortaleza, 373 mil eleitores não estavam aptos a votar por conta da biometria

19:17 | 22/04/2020
Cadastramento de biometria foi feito pelo TRE
Cadastramento de biometria foi feito pelo TRE (Foto: MAURI MELO/O POVO)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quarta-feira, 22, suspender o cancelamento de 2,5 milhões de títulos de eleitores que não compareceram ao processo de revisão biométrica. A suspensão ocorreu devido ao período de isolamento provocado pela pandemia do novo coronavírus. Com a medida, os eleitores estarão aptos a votar nas eleições de outubro — se o pleito não for adiado. 

Segundo o TSE, a suspensão do cancelamento ocorreu em 11 estados. Os eleitores que estavam com pendências no documento deverão resolvê-las após as eleições. Só em Fortaleza, foram 373 mil títulos cancelados.

O primeiro turno está marcado para o dia 4 de outubro. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do País.

 

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >