PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Bolsonaro diz que Brasil "não pode ser paraíso do mundo gay"

Esta não foi a única polêmica do presidente da República nesta quinta

23:02 | 25/04/2019

Em café da manhã com jornalistas nesta quinta, 25, o presidente Jair Bolsonaro disse que o Brasil “não pode ser o país do turismo gay”, de acordo com relato da revista digital Crusoé.

“Quem quiser vir aqui fazer sexo com uma mulher, fique à vontade. Agora, não pode ficar conhecido como paraíso do mundo gay aqui dentro”, afirmou Bolsonaro.

Esta não foi a única polêmica do presidente da República nesta quinta. Após reclamação de Bolsonaro, uma propaganda do Banco do Brasil foi censurada e o diretor de Comunicação e Marketing da instituição, Delano Valentim, demitido.

"O presidente e eu concordamos que o filme deveria ser recolhido. Saída do diretor de Marketing em decisão de consenso - inclusive com aceitação do próprio", disse o presidente do BB, Rubem Novaes, ao Correio Braziliense.

Redação O POVO Online