PUBLICIDADE
Notícias

Para brasileiros, novo governo deve reduzir problemas na saúde, desemprego e violência

Conforme pesquisa da CNDL e SPC Brasil, 64% dos brasileiros estão otimistas com a gestão do novo presidente e 13% estão pessimistas

22:11 | 10/01/2019
Para brasileiros, a gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve reduzir problemas na saúde, desemprego, violência e criminalidade, conforme pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), divulgada nesta quinta-feira, 10. O resultado mostra ainda que 64% dos brasileiros estão otimistas com o novo Governo Federal e 13% são pessimistas.
 
Dos entrevistados, 66% pensam que o governo de Bolsonaro vai ampliar investimentos no combate à violência e 59% acreditam que a taxa de desemprego vai cair. Já 54% acham que Bolsonaro vai reduzir a deficiência na área da saúde e 52%, o aumento da criminalidade. Estes serão as principais problemáticas a serem enfrentadas por Jair Bolsonaro na Presidência.
 
Outras questões também foram analisadas na pesquisa. Foram contabilizados ainda que 54% acreditam que haverá melhora na qualidade do ensino nas escolas públicas, 57% esperam por uma diminuição dos casos de corrupção, 45% apostam na queda da inflação e 39% na redução das taxas de endividamento.
 
Expectativa
 
A pesquisa ainda revela que 64% dos brasileiros estão otimistas, 13% são pessimistas, 15% indiferentes e 7% declararam neutralidade. Foram entrevistadas 702 mulheres e homens de todas as regiões brasileiras, com faixa etária de acima de 18 anos e de todas as classes sociais.
 
De acordo com pesquisa da CNDL e do SPC Brasil, o ranking de preocupação é representado pela insatisfação da população brasileira com a educação (43%), combate à corrupção (42%) e a atual crise econômica (29%).
TAGS