Camilo é contra descriminalização do aborto e legalização das drogasNotícias de Política 

PUBLICIDADE
Notícias


Camilo é contra descriminalização do aborto e legalização das drogas

O atual governador também se disse contrário à diminuição da maioridade penal e à liberação do porte de armas. Declarações foram dadas durante sabatina da rádio O POVO/CBN

14:20 | 06/09/2018
NULL
NULL
[FOTO1]O candidato ao Governo do Ceará pelo PT e atual governador, Camilo Santana, posicionou-se sobre temas polêmicos no fim da sabatina da rádio O POVO/CBN. Em um momento da entrevista em que ele poderia responder apenas “contra” ou “a favor”, o político se afirmou contrário à descriminalização do aborto, à legalização das drogas, à diminuição da maioridade penal e à liberação do porte de armas.
 
Assista :a sabatina: 
[VIDEO1] 
[SAIBAMAIS]A temática da segurança pública foi tema bastante tratado durante as uma hora e meia de entrevista. Ele defendeu que o problema não seria resolvido com “discurso fácil e oportunismo”, mas sim com planejamento. “Não vi nenhum candidato com propostas diferentes do que eu tô fazendo”. Como propostas, colocou a implantação do batalhão regionalmente e a atuação Centro Integrado de Inteligência. “Quero fazer da Polícia Civil a melhor do País”, afirmou.
 
Ele também falou sobre a educação, citando-a como uma forma de prevenção da violência. “Não é porque as pessoas são ruins, às vezes é por falta de oportunidade”, declarou. O candidato citou feitos na educação durante o atual governo, como a implementação de escolas em tempo integral. “Minhas propostas são para ampliar aquilo que tá bom e inovar”, disse, com relação a esse e outros aspectos do governo.
 
Questionado duas vezes durante a entrevista  sobre apoio a um candidato à Presidência, Camilo Santana se negou a tomar posição. Ele prestou apoio ao candidato ao Senado Eunício Oliveira, a quem ele já havia criticado. “É o melhor que tem ajudado o ceará nesse cenário que a gente tá construindo”. 
 
Redação O POVO Online 
TAGS