PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Ciro Gomes deve ter votos que iriam para Lula no Nordeste, diz André Figueiredo

20:30 | 18/08/2018
O deputado federal André Figueiredo (PDT) defende que, no Nordeste, parte dos votos que iriam para Lula (PT) devem migrar para Ciro Gomes (PDT) em caso de substituição. Segundo ele, "Lula não é candidato" à Presidência da República, já que há expectativa por substituição pelo ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, até o próximo dia 17 de setembro.

 
 
Pesquisa do Ibope divulgada nessa sexta-feira, 17, aponta a preferência do eleitorado no Ceará para o ex-presidente. O cenário, no entanto, ainda é incerto quanto a sua candidatura devido à Lei da Ficha Limpa. O petista lidera com 56% das intenções de voto do Estado, seguido por Ciro Gomes, com 15%.
 
 


"É notório que a candidatura do Lula tem uma aceitação, principalmente no Nordeste, muito forte. Agora, ele não é candidato", disse durante o lançamento da campanha de Ciro Gomes em Fortaleza. "O Ciro com certeza vai ter uma votação mais que expressiva no Ceará. Tá dentro do nosso planejamento".

 
 


De acordo com o deputado cearense, Haddad não é nome forte no Nordeste, o que facilitaria possível ascenção de Ciro. "Respeitamos o Haddad, mas a capacidade de transferência do Lula para um candidato que ele venha a apoiar é de 40% dos seus votos. Na nossa projeção, ele ficará atrás do Ciro", continua.
 
 

O deputado, que tem evitado falar sobre Eunício Oliveira (MDB), disse que o partido não apoia nenhuma aliança com o emedebista. "O PDT tem uma postura contrária a tudo que representou, como ataque aos direitos trabalhistas. Não votamos nele. Mas é claro que cada pedetista tem direito de escolher o seu segundo senador", declarou.

Redação O POVO Online
Com informações do repórter Carlos Mazza

TAGS