PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Bolsonaro é mais politicamente incorreto que Trump, diz revista Time

Candidato repetiu declarações polêmicas sobre o regime militar do Brasil e defendeu a ditadura Pinochet, no Chile

12:00 | 27/08/2018
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )
[FOTO1] 
 
A revista americana Time entrevistou o candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) acerca de suas convicções, planos de governo e polêmicas. Pela admiração que o candidato demonstrou ao presidente dos Estados Unidos Donald Trump, a reportagem afirmou que Bolsonaro consegue “ir além” do politicamente incorreto do ocupante da Casa Branca. O jornalista Matt Sandy conversou com o político em Brasília. Ele destacou falas do candidato que igualavam gays a pedófilos e defendiam regimes militares.
 
 
Lembrando de declarações que Bolsonaro já deu sobre a época do regime militar no Brasil, a revista perguntou sobre os planos de incluir militares no governo. O candidato disse que pretende reduzir os ministérios a 15 e colocar pelo menos 5 representantes do exército como chefes dos órgãos. Educação, infraestrutura, defesa e transporte são algumas das áreas citadas pelo presidenciável.

 
[SAIBAMAIS] Além de falar com admiração sobre Trump, o deputado defendeu as ações de Augusto Pinochet, ditador chileno, e Rodrigo Duterte, presidente das Filipinas conhecido por matar suspeitos de crimes sem julgamentos. A justificativa dada por Bolsonaro é que os políticos fizeram o necessário para defender o país e atribuiu os assassinatos das ditaduras latinas a “combatentes”, comparando com as mortes da guerra do Afeganistão.

 
Mesmo com discurso que defende o período ditatorial, Bolsonaro reafirmou que o melhor sistema para o Brasil é a democracia, explicando que deve ainda, se eleito, promover reforma política para revogar reeleição para presidente. Registro de votos impressos também foi mencionado como medida que deverá tomar no governo.
 
 
Redação O POVO Online 
TAGS