PUBLICIDADE
Notícias

BNB troca indicações do PMDB e confirma dois novos diretores

Até agora presidente do BNB, Marcos Holanda não compareceu à reunião do conselho. Até a última semana, a maior parte da diretoria era ligada ao PMDB

18:07 | 04/04/2016
NULL
NULL

Menos de uma semana após o PMDB oficializar saída do governo, reunião do Conselho de Administração do Banco do Nordeste (BNB) confirmou nesta segunda-feira, 4, novas indicações para diretorias do órgão. Conforme O POVO antecipou, foram oficializadas nomeações de Joaquim Cruz e Eliane Brasil para, respectivamente, as diretorias de Negócios e Administração e TI do banco.

Até agora presidente do BNB, Marcos Holanda não compareceu à reunião do conselho. Nos bastidores, se comenta que ele teria tirado férias, mas a assessoria de imprensa do órgão não confirma a informação. Esperada para esta segunda, indicação de Nicola Miccione para a Diretoria de Desenvolvimento do banco ainda não foi confirmada.

Com orçamento bilionário, o BNB é um dos cargos do segundo escalão mais cobiçados no Nordeste. Até a última semana, a maior parte da diretoria era ligada ao PMDB, sendo Holanda indicado do senador Eunício Oliveira (PMDB).

[SAIBAMAIS 3]Guimarães e PP

Funcionária do banco há mais de 26 anos, Eliane Brasil já foi gerente e superintendente de diversos setores do BNB. Esposa do secretário adjunto da Pesca no Ceará, Euvaldo Bringel, a contabilista seria indicação dos irmãos Cid e Ciro Gomes (PDT) e do líder do governo na Câmara Federal, José Guimarães (PT), com quem possui relação próxima de amizade.

Já Joaquim Cruz, funcionário de carreira do Banco do Brasil, é indicação do Partido Progressista (PP). Presidente do PP no Ceará, o ex-deputado Zé Linhares afirma que Cruz está com o partido desde a gestão de Gilberto Occhi no Ministério das Cidades (2014-2015). “Além disso, ele é um grande amigo meu”, destaca Linhares.

Até agora, no entanto, segue indefinido o futuro de Marcos Holanda na presidência do órgão. “Após essa saída do PMDB, o Guimarães me telefonou e disse que é certo que esses espaços ficam no Ceará entre o PP e o PDT”, diz Padre Zé Linhares. Caso se confirme o pedido de férias de Holanda, sua demissão pode ser oficializada apenas em maio.

Outras indicações para o órgão podem ser feitas pelo PR e pelo PSD. Lideranças dos dois partidos no Ceará, no entanto, negaram ter indicado nomes. "Caso aconteça, provavelmente virá da diretoria do partido em outro Estado", diz o deputado Domingos Neto, líder do PSD no Ceará.

Saiba mais

Além do BNB, o PMDB ainda possui indicação da Companhia Docas do Ceará no Estado. O titular da Docas, César Pinheiro, continua no cargo até o presente momento. Na semana passada, outro indicado do PMDB cearense, na diretoria do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), foi exonerado.

A indicação de Eliane mostra volta da influência de José Guimarães ao órgão. O deputado já foi figura influente no órgão, mas acabou se afastando após um assessor seu ser preso com US$ 100 mil escondidos na cueca em escândalo ligado ao banco. O deputado, no entanto,foi inocentado de todas as acusações.

TAGS