PUBLICIDADE
Notícias

Correção: Moro manda soltar empreiteiro da Andrade Gutierrez

16:15 | 05/02/2016
A nota enviada anteriormente continha incorreções. O nome do empresário da Andrade Gutierrez é Otávio Marques de Azevedo, e não Andrade, como constou. Segue o texto corrigido:

O juiz federal Sérgio Moro mandou soltar o empresário Otávio Marques de Azevedo, da empreiteira Andrade Gutierrez. Também mandou soltar o executivo da empreiteira Elton Negrão.

Otávio Marques de Azevedo e Negrão fecharam acordo de delação premiada com a força-tarefa da Operação Lava Jato. O acordo ainda não foi homologado.

Otávio Marques de Azevedo e Negrão foram presos no dia 19 de junho de 2015 na Operação Erga Omnes, braço da Lava Jato que pegou os maiores empreiteiros do País - no mesmo dia foi preso Marcelo Bahia Odebrecht.

Em troca da liberdade que perderam há 228 dias, Otávio Marques de Azevedo e Elton Negrão decidiram contar o que sabem do esquema de propinas instalado na Petrobras e nas obras de Angra 3.

Formalmente, o empreiteiro e o executivo são acusados pelo Ministério Público Federal pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em contratos da Andrade Gutierrez com a estatal petrolífera.

O jornal "O Estado de S. Paulo" tentou falar com o advogado da Andrade Gutierrez, o criminalista Celso Vilardi, mas ele não foi localizado.

TAGS