PUBLICIDADE
Notícias

Cid defende base "mais enxuta" para governo Dilma

Segundo o governador, "é melhor ter uma base mais enxuta, porém mais confiável". Ele evitou falar sobre indicação para ministro

11:59 | 24/11/2014
O governador cearense Cid Gomes (Pros) voltou a defender sua proposta de frentes de sustentação para o segundo mandato da presidente Dilma Rousseff (PT). Segundo entrevista com ele publicada pela revista Carta Capital, “o governo está escravo do PMDB, que se considera um partido essencial, quando eu penso que ele não tem essa bola toda”. Cid acusa o partido de chantagear o Planalto.

Como solução, o governador voltou a defender a formação de uma frente de esquerda e outra de centro. Cid, que fez duas gestões praticamente sem oposição, afirmou que “é melhor ter uma base mais enxuta, porém mais confiável”.

O chefe do Executivo cearense também voltou a afirmar que pretende passar temporada nos Estados Unidos após deixar o Palácio da Abolição. Entretanto, ele não negou a possibilidade de assumir cargo de Ministro. Cid limitou-se a dizer que “se falar que não aceitaria, seria indelicado. Se disser que topo, estaria sendo oferecido”.

Redação O POVO Online
TAGS