PUBLICIDADE
Notícias

Dilma lidera Ibope, mas vantagem cai; Datafolha mostra empate técnico com Aécio

Apesar do empate técnico no Datafolha, o instituto aponta que a diferença está no limite da margem de erro, com maior probabilidade de a petista estar na frente. Mas diferença para o tucano ficou menor

17:30 | 25/10/2014

As últimas pesquisas de Ibope e Datafolha sobre a eleição presidencial mostram vantagem apertada de Dilma Rousseff (PT) sobre Aécio Neves (PSDB) na sucessão presidencial, com empate técnico entre eles no Datafolha.

Datafolha - votos válidos
Dilma - 52%
Aécio - 48%

Conforme o instituto, a vantagem da petista diminuiu desde a última quarta-feira. Ela aparece agora quatro pontos percentuais a frente nos votos válidos. Na pesquisa realizada nos últimos dias 22 e 23, era de seis pontos percentuais. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

[SAIBAMAIS1]

Embora considere empate técnico, o Datafolha considera que a maior probabilidade é de Dilma estar na frente, pois só se verifica empate numa combinação que considera a oscilação máxima da margem de erro para cada um em sentidos opostos (Dilma para baixo, Aécio para cima).

 

Datafolha - votos totais Dilma - 47%
Aécio - 43%

 

Ibope

Na pesquisa Ibope, a diferença entre Dilma e Aécio também diminuiu, mas permanece fora da margem de erro, segundo o instituto.

Ibope - votos válidos

Dilma - 53%
Aécio - 47%

A vantagem da petista é de seis pontos percentuais em votos válidos. Na pesquisa anterior, realizada entre as últimas segunda e quarta-feira, era de oito pontos percentuais.

 

Ibope - votos totais
Dilma - 49%
Aécio - 43%

 

A pesquisa Datafolha foi encomendada por Folha de S.Paulo e TV Globo. O Datafolha ouviu 19.318 eleitores em 400 municípios nesta sexta-feira e sábado. O nível de confiança é 95%. O registro da pesquisa no Tribunal Superior Eleitoral é BR-1210/2014.

A pesquisa Ibope foi contratada por Estado de S.Paulo e TV Globo. Foram ouvidos 3.010 eleitores, em 206 municípios, entre sexta-feira e sábado. A margem de erro máxima é dois pontos porcentuais para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE com o protocolo 01195/2014.

TAGS