PUBLICIDADE
Notícias

Campos defende aliança entre seu partido e o PMDB em MS

15:20 | 05/06/2014
O pré-candidato à Presidência pelo PSB, Eduardo Campos, defendeu a aliança do seu partido com Nelson Trad Filho (PMDB) em Mato Grosso do Sul. "Fizemos uma composição que era possível fazer com o PMDB autêntico, progressista", disse Campos em coletiva de imprensa realizada em São Paulo. Da capital paulista, o pré-candidato segue ainda hoje para Campo Grande, para oficializar o apoio do PSB à candidatura de Trad ao governo do Estado.

Em São Paulo, Campos e Marina Silva participam de uma oficina sobre meio ambiente. Questionado sobre a questão de Trad ser de tradição ruralista, tradicionalmente oposta à pauta ambiental, Campos repetiu a argumentação que vem sustentando ao longo da pré-campanha, de que o agronegócio cada vez mais "entende o encontro (dele) com Marina". "O candidato (Trad) vive em um Estado onde é forte o agronegócio. Nós não temos preconceito com o agronegócio."

Marina também foi perguntada sobre o tema, em relação ao posicionamento da Rede, que não formalizou apoio a Trad no Mato Grosso do Sul. A ex-ministra disse que a Rede está "em processo de discussão". Nos bastidores é dado como certo que o grupo de Marina não apoiará Trad. Marina ressaltou apenas que tem havido um esforço de PSB e Rede "caminharem juntos" nos Estados, mas que eles têm autonomia e lembrou a situação no Paraná, onde a Rede apoia Rosane Ferreira (PV) enquanto o PSB apoia a reeleição de Beto Richa (PSDB).

TAGS