PUBLICIDADE
Notícias

Ex-prefeito é condenado a pagar R$ 800 mil por fraudes em licitações

15:55 | 14/04/2014
A Justiça do Ceará condenou o ex-prefeito de Poranga, Aderson José Pinho, e cinco ex-secretários da gestão por improbidade administrativa. Segundo decisão do juiz Francisco Marcello Alves, o ex-gestor tá que pagar multa de R$ 800 mil pelo envolvimento em irregularidades desde fraudes em licitações até desvio de cheques.

[SAIBAMAIS 1]A condenação se baseia em inspeção feita pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) em 2011, que mostra que o ex-prefeito deixou de prestar contas à Câmara Municipal por vários anos. Além disso, foi constatada ausência de licitações para despesas de até R$ 274 mil. Com base nisso, o ex-prefeito foi condenado a perder os direitos políticos por oito anos.

Além dele, a Justiça condenou os ex-secretários de Administração e Finanças, a ex-secretária de Educação e o ex-secretário de Obras da gestão de Aderson José Pinho. Juntos com o ex-prefeito, eles terão que ressarcir os cofres públicos em R$ 43 mil pelo desvio de cheques da Prefeitura.

Redação O POVO Online
com informações do MP-CE

TAGS