PUBLICIDADE
Notícias

Ciro diz que que Lula só gosta do povo quando manda em todo mundo

O ex-deputado criticou a maneira como o ex-presidente conduziu sua sucessão eleitoral em 2010. Ele acusou o petista de "manipular" a indicação de Dilma

15:25 | 24/01/2013

O ex-deputado federal Ciro Gomes (PSB) teceu, nesta quinta-feira, 24, duras críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Durante encontro com jovens empresários, Ciro disse que o petista "gosta muito do povo, desde que ele fique em cima mandando em todo mundo".

Segundo o peessebista, Lula "manipulou", em 2010, a indicação da então ministra-chefe da Casa Civil Dilma Rousseff para as eleições presidenciais. "A minha ideia era que todos os partidos lançassem candidato no primeiro turno. Depois ele (Lula) quis manipular e forçou todo mundo a apoiar ela (Dilma)", disparou.

Para Ciro, isso é um "grande problema político do Brasil", porque alguns profissionais da área "fraudam o primeiro turno" para forçar uma polarização.


Eleições 2014

Ao comentar as eleições de 2014, disse que não irá ser candidato a nenhum cargo nacional. Ao mesmo tempo, defendeu que todo partido precisa ter um projeto visando a Presidência da República.

Sobre a equipe de governo de Dilma, Ciro disse que o atual ministro da Educação, Aloísio Mercadante (PT), jamais ocuparia uma pasta em uma gestão de Lula. "Ele é preterido indefinidamente porque é excessivamente educado e sério. Ele sabe ler...", destacou o ex-parlamentar, que por três anos foi ministro da Integração Nacional, durante o primeiro governo Lula. 

Redação O POVO Online

com informações do repórter

Carlos Mazza

TAGS