Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Chanceler alemão diz que mudança de regime na Rússia não é 'objetivo da Otan'

20:05 | Mar. 27, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A mudança de regime na Rússia não é "o objetivo da Otan" apesar da invasão da Ucrânia, disse o chanceler alemão, Olaf Scholz, na televisão neste domingo (27).

Em declarações ao canal público alemão ARD, o presidente destacou que conseguiu "conversar extensivamente" com Joe Biden e que uma eventual mudança de regime na Rússia não era "objetivo da Otan, nem do presidente americano".

Biden disse em Varsóvia no sábado que seu homólogo russo, Vladimir Putin, "não pode permanecer no poder".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Embora a Casa Branca tenha sido rápida em qualificar suas palavras e insistir que Washington não estava buscando uma mudança de regime, o comentário improvisado semeou preocupação, parecendo minar os próprios esforços de Biden para enfatizar a unidade no apoio a Kiev.

"Democracia, liberdade e lei têm futuro em todos os lugares, mas cabe aos povos e nações lutar por essa liberdade", acrescentou Scholz.

"O que devemos garantir é que a integridade e a soberania dos Estados não sejam violadas", argumentou.

Questionado sobre as entregas de armas pela Alemanha, consideradas insuficientes por Kiev, o chanceler alemã respondeu: "Estamos fazendo tudo o que está ao nosso alcance". As armas já entregues pelo Ocidente permitiram, segundo ele, "sucessos consideráveis ".

mat/cls/aoc/dga

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar