Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Reino Unido pede a britânicos para abrigar refugiados ucranianos

09:05 | Mar. 13, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

O governo do Reino Unido anunciou neste domingo (13) um programa que permite que os britânicos recebam refugiados que fogem da guerra na Ucrânia, uma resposta às críticas à lentidão e relutância em acolher ucranianos após a invasão russa.

O novo plano, nomeado "Homes for Ukraine", consiste em acolher "dezenas de milhares" de pessoas que terão acesso ao mercado de trabalho, à segurança social e à educação, mesmo sem ter laços familiares com o Reino Unido, anunciou o ministro britânico Michael Gove em declarações à rede Sky News.

Gove disse que o governo quer garantir que "todas as casas disponíveis" possam ser disponibilizadas "para aqueles que fogem da perseguição".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Os britânicos que decidirem hospedar refugiados ucranianos em suas casas receberão 350 libras (418 euros, 456 dólares) por mês e devem se comprometer a hospedá-los por pelo menos 6 meses.

Quem quiser fazê-lo deve contacar os ucranianos através das redes sociais ou associações e registrar-se numa plataforma que estará operacional a partir de segunda-feira, acrescentou o ministro.

Os ucranianos que desejam se mudar para o Reino Unido ainda precisarão obter um visto, mas o procedimento será simplificado depois que Londres foi criticada na semana passada por sua relutância em receber refugiados.

Segundo Gove, cerca de 3.000 vistos foram concedidos aos ucranianos.

Após essas declarações, o líder da oposição trabalhista Keir Starmer comemorou este novo programa, mas lamentou que o Reino Unido continue atrás dos seus vizinhos europeus.

"Honestamente, as últimas semanas foram vergonhosas para o Reino Unido em termos de hospedagem de refugiados", disse Starmer.

vg/rsc/zm/aa

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar