Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Alemanha tentará abandonar petróleo russo antes do final do ano

10:00 | Mar. 12, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A Alemanha quer abandonar o petróleo russo até o final do ano e o carvão no outono, anunciou o ministro da Economia neste sábado (12).

"Todos os dias, quase todas as horas, na verdade, estamos nos despedindo das importações russas", disse o ministro ambientalista, Robert Habeck, ao jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung.

"Se tivermos sucesso, seremos independentes do carvão russo no outono e quase independentes do petróleo russo até o final do ano", acrescentou.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Pelo contrário, em relação ao gás, parece mais complicado para a Alemanha abandonar as importações da Rússia, uma vez que não tem capacidade para importar gás liquefeito, embora estejam a trabalhar nisso, disse o ministro.

Atualmente, a Alemanha traz um terço de seu petróleo e quase 45% de seu carvão da Rússia, segundo estatísticas do governo.

Em relação ao gás, em 2020 representou pouco mais de 50%. Na última década, a dependência de gás da Alemanha em relação à Rússia passou de 36% do total de importações em 2014 para 55% agora.

Nesse sentido, os líderes da maior economia da Europa estão relutantes às exigências dos aliados ocidentais (com os Estados Unidos na liderança) de impor um embargo ao petróleo e gás russos.

Habeck reiterou sua oposição a um embargo imediato às importações de energia russa, conforme exigido por vários países do Leste Europeu.

Isso causaria, segundo Habeck, problemas de abastecimento para o inverno (boreal) do próximo ano, além de crise econômica, inflação forte, aumento do preço da energia e o desaparecimento de milhares de empregos.

Na terça-feira, o Reino Unido também anunciou que deixará de importar petróleo e derivados russos até o final de 2022, mas não gás natural.

dac/eb/grp/me/aa

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar