Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Apesar do conflito, Ucrânia iguala recorde de medalhas nos Jogos Paralímpicos de Inverno

14:40 | Mar. 11, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

Graças a três ouros conquistados no biatlo, a Ucrânia igualou nesta sexta-feira seu recorde de medalhas nos Jogos Paralímpicos de Inverno em Pequim, chegando às mesmas 25 que conseguiu nos Jogos de Turim 2006, apesar do conflito no país após a invasão da Rússia.

A delegação da Ucrânia garantiu hoje seis pódios no biatlo, modalidade que o país domina nos Jogos Paralímpicos, com 22 medalhas nesta edição.

Atualmente a Ucrânia ocupa a segunda posição no quadro geral de medalhas, com nove de ouro - outro recorde para o país -, dez de prata e seis de bronze, a três dias do final dos Jogos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Oleksandr Kazik e Oksana Shyshkova, na categoria de atletas com deficiência visual, e Liudmyla Liashenko, na categoria em pé, foram os vencedores das provas individuais do biatlo.

Liudmyla, que descobriu durante a semana que sua casa em Kharkiv foi destruída, dedicou sua medalha "aos ucranianos, ao exército que nos protege e à minha família".

Por sua vez, Oksana obteve hoje sua quinta medalha nestes Jogos Paralímpicos de Inverno, a terceira de ouro.

"Desejamos proteger a honra do nosso país. Pode ser que isso seja o que nos motiva e nos mantenha concentrados para fazer o melhor possível. Pode ser que esse seja o segredo", concluiu a atleta.

lpm/lve/mdm/dam/iga/cb

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar