Participamos do

Menina morre de desidratação nas ruínas de casa bombardeada na Ucrânia

Não se sabe há quanto tempo a menina, chamada Tanya, ficou presa nos escombros, onde sua mãe também foi encontrada morta
17:01 | Mar. 08, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

Uma menina de seis anos de idade morreu de desidratação nas ruínas de sua casa destruída em Mariupol, no sudeste da Ucrânia, atualmente ocupada pelo Exército russo, segundo informou o prefeito da cidade, Vadim Boitchenko.

Não se sabe há quanto tempo a menina, chamada Tanya, ficou presa nos escombros, onde sua mãe também foi encontrada morta.

"Nos últimos minutos de sua vida, (Tanya) estava sozinha, exausta, assustada e com muita sede. Esta é apenas uma das muitas histórias que acontecem em Mariupol, que está sitiada há oito dias", disse o prefeito na conta do município no Telegram.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, também falou sobre a morte da menina em um vídeo divulgado na manhã desta terça-feira e pediu aos países ocidentais, mais uma vez, que ajudem a Ucrânia em sua luta contra a Rússia.

"Mariupol está cercada, bloqueada, exausta, torturada", declarou ele.

"Pela primeira vez em décadas, talvez pela primeira vez desde a invasão nazista, uma criança morreu de desidratação", exclamou Zelensky.

Cerca de 300 mil civis estão bloqueados há dias pelos combates no porto estratégico de Mariupol, privados de água, alimentos e eletricidade e sem acesso à ajuda humanitária.

Várias tentativas de retirada falharam nos últimos dias.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags