Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Na ONU, Ucrânia alerta para risco de vazamento nuclear e pede apoio global

Representante Permanente da Ucrânia na Organização das Nações Unidas, Sergiy Kyslytsya alertou nesta sexta-feira, 4,, durante discurso em sessão do Conselho de Segurança, para o risco de um vazamento nuclear trazido pelos militares da Rússia, ao atacarem uma usina nuclear em solo ucraniano, a de Zaporizhzhia, a maior da Europa. O diplomata desferiu críticas a Moscou e pediu mais apoio internacional para a Ucrânia.

Kyslytsya acusou o representante da Rússia presente, Vassily Nebenzia, de "mentir" em sua fala no Conselho de Segurança. Ele insistiu na necessidade de a Rússia liberar corredores humanitários e disse que a declaração do diplomata russo não condiz com a realidade em solo ucraniano. "Parem com as mentiras", afirmou, insistindo na necessidade de que todas as forças russas sejam retiradas da usina nuclear.

O representante ucraniano destacou o fato de que a invasão militar russa já matou "milhares", provocou mais de 1 milhão de refugiados e destruiu infraestruturas ucranianas. Além disso, cobrou mais apoio da comunidade internacional: "Ajam agora, ou será tarde demais. Não apenas para a Ucrânia, mas para vocês também", alertou, classificando a ação russa como não apenas um ataque contra seu país, mas a Europa como um todo e até o mundo. "O mundo não será destruído por aqueles que fazem o mal, mas por aqueles que veem sem fazer nada", afirmou.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar