Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Quase 17.000 turistas russos e ucranianos estão retidos na República Dominicana

20:45 | Mar. 02, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

Mais de 14.000 turistas russos e 1.900 ucranianos estão retidos na República Dominicana em função da guerra entre os dois países que restringiu voos, informou o governo dominicano, que garantiu estada aos visitantes "até que uma solução definitiva seja encontrada".

O ministro do Turismo, David Collado, entrou em acordo com os representantes das cadeias hoteleiras do país para "garantir a estada" destas quase 17 mil pessoas, indicou um comunicado do seu gabinete.

O governo dominicano destacou que os 14.806 turistas russos estão hospedados principalmente na província de La Altagracia (leste), onde fica Punta Cana, um dos pontos turísticos mais atraentes do país.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"O processo de repatriação nos próximos dias e seu retorno para casa foi acordado com os principais operadores turísticos russos", disse o governo.

Um levantamento oficial identificou um total de 1.903 turistas ucranianos na República Dominicana, que "estão hospedados em seus respectivos hotéis, onde permanecerão até que haja uma solução para o retorno para casa".

A cônsul honorária da Ucrânia, Ilona Oleksandrivna, afirmou na véspera que havia 3.000 turistas de seu país retidos no país, acrescentando que 1.200 deles foram expulsos de seus hotéis.

Oleksandrivna se encontrou com o presidente dominicano, Luis Abinader, na tarde desta quarta-feira.

"O governo dominicano prometeu que não pressionará nenhum cidadão ucraniano a deixar um hotel por falta de recursos. Foi um compromisso do presidente e ele foi muito enérgico nessa decisão", declarou Aníbal Félix, assessor de Oleksandrivna, a repórteres na saída da reunião.

A invasão russa da Ucrânia, que começou há uma semana, resultou em uma série de sanções do Ocidente, que se intensificaram ao longo dos dias, incluindo o fechamento do espaço aéreo dos EUA, Canadá e Europa para empresas e aeronaves russas.

A Rússia respondeu com medida semelhante, o que complica a situação de milhares de viajantes espalhados pelo mundo.

A República Dominicana, um dos poucos países que não fechou sua fronteira devido à pandemia de covid-19, recebeu 183.700 turistas russos e 85.912 da Ucrânia em 2021, segundo dados do Banco Central.

Em janeiro deste ano, havia 49.215 russos e 13.749 ucranianos.

jt/pgf/yow/ag/am

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar