Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

EUA acusam Rússia de mobilizar armas proibidas pela Convenção de Genebra

16:25 | Mar. 02, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Linda Thomas-Greenfield, acusou a Rússia nesta quarta-feira (2) de mobilizar bombas de fragmentação e outras armas proibidas pela Convenção de Genebra em sua ofensiva na Ucrânia.

As declarações de Thomas-Greenfield ocorrem no momento em que as forças russas atacam várias cidades ucranianas enquanto concentram tropas em torno da capital, Kiev.

"Parece que a Rússia está se preparando para aumentar a brutalidade de sua campanha contra a Ucrânia", disse Thomas-Greenfield à Assembleia Geral das Nações Unidas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Vimos vídeos de forças russas movendo armas excepcionalmente letais para a Ucrânia, que não têm lugar no campo de batalha. Isso inclui bombas de fragmentação e vácuo e munições, que são proibidas pela Convenção de Genebra", disse ela.

Ela também evocou imagens publicadas de um comboio de tropas russas com mais de 60 km de comprimento, que afirmou estar avançando em direção a Kiev.

Thomas-Greenfield falou antes da votação extraordinária na qual a Assembleia Geral exigiu que a Rússia "imediatamente" retire suas forças da Ucrânia.

A esmagadora maioria dos países votou a favor da resolução não vinculativa que "deplora" o ataque de Moscou à ex-república soviética, destacando o isolamento da Rússia no cenário mundial.

st/caw/yow/llu/jc/mvv

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar