Participamos do

Nevasca incomum em Tóquio cobre santuários e força o cancelamento de voos

Foi emitido alerta de neve pesada para Tóquio pela primeira vez desde 2018
09:51 | Jan. 06, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A neve cobriu Tóquio nesta quinta-feira(6) após horas de rajadas que forçaram o cancelamento de mais de 100 voos locais e a emissão de um sinal de alerta.

Os moradores saíram com guarda-chuvas e empurraram suas bicicletas quando a neve começou a cair. A Agência Meteorológica do Japão (AMJ) alertou que até 10 cm de neve podem cair em 12 horas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A AMJ emitiu um alerta de neve pesada para Tóquio pela primeira vez desde 2018 e alertou sobre possíveis interrupções no tráfego.

A nevasca forçou o cancelamento de 66 voos locais de partida e 53 voos de chegada no aeroporto de Haneda, na capital, disse uma fonte do terminal à AFP. Nenhum voo internacional foi cancelado.

Alguns trens de passageiros de Tóquio foram atrasados pela queda de neve, informou a operadora ferroviária JR East em seu site. A agência climática aconselhou a população a tomar precauções no centro de Tóquio.

No Templo Sensoji, um popular destino turístico na capital japonesa, alguns visitantes vestiram quimonos tradicionais e sandálias de madeira para caminhar entre as colunas vermelhas e sinos dourados enquanto a neve caia.

"É incomum que tanta neve caia em Tóquio em janeiro", disse Keiichi Masudi, 37 anos, ao voltar para casa. "Tenho que ter cuidado para não escorregar", disse.

Outros aproveitavam a queda de neve, como Shigeko Nagahama, 73, que tirou fotos do icônico teatro Kabukiza.

Ela observou a neve cair na arquitetura tradicional do prédio onde as apresentações do teatro Kabuki eram realizadas.

"É uma bela vista", comentou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags