Participamos do

Sobrinha de George Floyd, de 4 anos, é baleada enquanto dormia em casa

Ela passou por cirurgia e tem quadro estável. A bala perfurou pulmão e fígado e quebrou três costelas. O assassinato do tio dela por policiais deflagrou a onda de protestos "Vidas negras importam"
14:58 | Jan. 05, 2022
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter de Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Arianna Delane, uma menina de 4 anos, foi baleada enquanto dormia em casa em Houston, no Texas Estados Unidos. Ela passou por cirurgia e está em estado estável. Arianna é sobrinha-neta de George Floyd, cujo assassinato por um policial de Minneapolis, em 25 de maio de 2020, causou indignação mundial e deflagrou a série de protestos "vidas negras importam".

 

A criança foi baleada por volta das 3 horas do último sábado, 1º. A notícia foi divulgada na terça-feira, 4. Arianna foi atingida no torso, teve o pulmão e o fígado perfurados. A bala ainda quebrou três costelas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O pai da vítima, Derrick Delane, disse em entrevista à emissora ABC 13 que o apartamento foi atingido várias vezes por tiros pouco antes das 3 da manhã do dia 1º de janeiro. "Minha filha deu um pulo e disse: 'Papai, fui atingida'. Eu fiquei chocado até ver o sangue e perceber que minha filha de 4 anos foi realmente atingida", lembrou. "Ela não sabia o que estava acontecendo. Ela estava dormindo." Arianna estava em casa com mais quatro adultos e duas crianças. 

Ela é neta de LaTonya Floyd, irmã de George Floyd.

Em comunicado à imprensa, a Polícia disse que não sabe se foi uma ou várias pessoas atirando. Os policiais atualmente não têm suspeitos e não sabem o que motivou os criminosos a atirarem.

O tio de Arianna, George Floyd, morreu em 2020, após o policial ficar ajoelhado em cima do pescoço dele, apesar dos gemidos de dor e dos pedidos de pessoas para que ele parece. As imagens foram gravadas, veiculadas nas redes sociais e chocaram o mundo.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags