PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Asteroide maior que Torre Eiffel passará pela Terra nesta terça

Catalogado de 2021 KT1, o corpo passará a cerca de 7,2 milhões de quilômetros do planeta, quase 19 vezes a distância entre a Terra e Lua. Não há risco de colisão, segundo a Nasa

19:47 | 31/05/2021
O astro foi considerado um Objeto Potencial Perigoso (OPP) (Foto: NASA / JPL-CALTECH)
O astro foi considerado um Objeto Potencial Perigoso (OPP) (Foto: NASA / JPL-CALTECH)

Asteroide mais alto que a Torre Eiffel, que tem 300 metros de altura, irá se aproximar da Terra por volta das 9h24min (horário de Brasília) desta terça-feira, 1º de junho. Catalogado de 2021 KT1, o corpo passará a cerca de 7,2 milhões de quilômetros do planeta, quase 19 vezes a distância entre a Terra e Lua. Não há risco de colisão, segundo a Nasa, mas o astro foi considerado um Objeto Potencial Perigoso (OPP).

LEIA MAIS | Meteoro cruza céu do Ceará e é avistado em cinco cidades do Estado; veja vídeo

Conforme a agência espacial estadunidense, entram nessa categoria qualquer objeto que se aproxime da Terra a uma distância menor que cerca de 7,5 milhões de quilômetros ou seja maior que 152,4 metros de diâmetro. Aproximadamente 26 mil asteroides nas proximidades do planeta são monitorados no momento por cientistas, incluindo o 2019 OK, descoberto por astrônomo anônimo de Minas Gerais.

Não há motivo para pânico e “ninguém deve se preocupar excessivamente com o impacto de um asteroide ou cometa na Terra”, diz o Centro de Estudos de Objetos Próximos da Terra (CNEOS, na sigla em inglês). Apesar disso, os astrônomos do órgão afirmam que os riscos de tais ocorrências em um futuro distante “não são desprezíveis”.