PUBLICIDADE
Mundo
Noticia

Engenheiros movem edifício de sete mil toneladas na China

O processo de deslocação da escola primária Lagena durou 18 dias e contou com o auxílio de quase 200 pernas robóticas

15:17 | 24/10/2020
O prédio chinês pesava sete toneladas (Foto: Reprodução/ CGTN)
O prédio chinês pesava sete toneladas (Foto: Reprodução/ CGTN)

A escola primária Lagena, em Xangai, na China, precisava mudar de localização por causa da construção de um novo centro comercial. Com 85 anos, o edifício integrava parte da história do lugar. Sua manutenção era importante na memória dos habitantes. Por isso, engenheiros decidiram movimentar o prédio de mais de sete toneladas.

Mas havia um desafio: a estrutura irregular limitava as possibilidades de locomoção. Então, os trabalhadores adotaram um sistema com 200 pernas robóticas. Assim, a escola “andou” por 60 metros. O projeto durou 18 dias e foi finalizado com sucesso no dia 15 de outubro.

Estrutura foi movimentada com 200 pernas robóticas
Estrutura foi movimentada com 200 pernas robóticas (Foto: Reprodução/ CGTN)

De acordo com Li Jianfeng, diretor geral do centro comercial Pacific Xintiandi, o edifício será reformado em um trabalho extenso de revitalização. Quando estiver pronto, o espaço será voltado para o ensino cultural. As informações são da rede de televisão chinesa CGTN e do jornal South China Morning Post.