PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Ilusionista indiano desaparece no rio Ganges durante apresentação

"Se conseguir me liberar, será mágico. Se não conseguir, será trágico", contou o homem à agência de notícias francesa AFP antes de iniciar a apresentação

11:29 | 17/06/2019
Jadugar Mandrake mergulhou acorrentado. Buscas pelo mago continuam
Jadugar Mandrake mergulhou acorrentado. Buscas pelo mago continuam(Foto: AFP)

Chanchal Lahiri, conhecido pelo nome nome artístico Jadugar Mandrake (o Mago Mandrake), se apresentava, neste domingo, 16, no rio Ganges, quando mergulhou acorrentado para provar que conseguia se soltar e sair rapidamente. O mago, no entanto, não apareceu no tempo esperado. A polícia informou que ele desapareceu nas águas do rio.

O número fazia parte do show de Mandrake, que há 21 anos - contou à agência AFP antes dessa apresentação - havia conseguido realizá-lo em uma versão mais difícil. "Eu estava acorrentado dentro de uma caixa de vidro e fui lançado na água da ponte Howrah. Demorei apenas 29 segundos para sair", explicou. Dessa vez, seria mais difícil, como reconheceu o próprio Mandrake. Mas, isso não o impediu de tentar o número.

Pessoas fazem orações no rio Ganges enquanto as autoridades procuram Jagukar Mandrake
Pessoas fazem orações no rio Ganges enquanto as autoridades procuram Jagukar Mandrake (Foto: Reprodução/G1)

Jagukar Mandrake saltou acorrentado de uma grua no rio na frente de parentes, policiais e do público que acompanhava o número às margens do Ganges, um dos principais rios da índia. Ele não apareceu no tempo esperado, o que preocupou familiares e autoridades, que iniciaram as buscas.

Em 2013, ele havia tentado repetir o número, dessa vez em uma caixa de vidro, mas o público, após ver uma saída no acessório, começou a insultá-lo.

Ele havia dito à AFP, antes da apresentação, que, se conseguisse se libertar, seria “mágico”. Caso contrário, seria “trágico”. As buscas por Mandrake continuam.

Redação O POVO Online