PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Empresa americana recolherá cadeirinhas de balanço após mortes de bebês nos Estados Unidos

Serão recolhidas 4,7 milhões de cadeirinhas de balanço, segundo a empresa Fisher-Price

17:58 | 13/04/2019
Fisher-Price Rock ‘n roll na Play sleeper
Fisher-Price Rock ‘n roll na Play sleeper(Foto: Divulgação)

A empresa americana Fisher-Price anunciou nesta sexta-feira, 12, o recolhimento de 4,7 milhões de cadeirinhas de balanço automáticas após a morte de mais de 30 bebês desde que o produto foi lançado no mercado em 2009. A causa dos acidentes, segunda a empresa, se dá porque a cadeira, que pode ser programada para simular o movimento de ninar, estaria levando as crianças a caírem por causa de uma instabilidade.

A Comissão Americana de Segurança de Produtos de Consumo (CPSC, sigla em inglês) também divulgou um alerta. Segundo a Comissão, os consumidores que compraram o modelo “Fisher-Price Rock ‘n roll na Play sleeper” devem parar de utilizá-la imediatamente e contactar a empresa para reembolso ou o recebimento de um voucher no valor da compra.

No Brasil, o modelo “Fisher-Price Rock ‘n roll na Play sleeper” é disponível pela loja online Babytunes e são indicados para uso de bebês recém-nascidos. Segundo a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), órgão do Ministério da Justiça e Segurança Pública, já foi aberta investigação sobre o caso.

Consultado pelo O Globo, o Inmetro informou que convidará a Fisher-Price para uma reunião a fim de obter informações sobre a eventual presença esses modelos no País. Além de colher mais dados sobre que procedimentos a empresa adotará no Brasil, diante do risco identificado nos Estados Unidos esta semana.

O Povo