PUBLICIDADE
Notícias

1900: Fundação da Federação Alemã de Futebol (DFB)

00:02 | 25/02/2019
No dia 28 de janeiro de 1900, representantes de 86 clubes alemães de futebol reuniram-se em Leipzig, fundando a Federação Alemã de Futebol (em alemão: DFB – Deutscher Fussball-Bund).O futebol exerce uma fascinação sobre os alemães como nenhum outro tipo de esporte. Em sua existência, ele se transformou no esporte popular número 1 e em um negócio que envolve somas bilionárias. Sua organização no país começou, porém, de forma bastante modesta em Leipzig, naquele frio 28 de janeiro de 1900, quando foi decidida a criação da DFB, a Federação Alemã de Futebol. O ex-presidente da DFB Egidius Braun disse certa vez sobre a evolução do futebol: "Quando se imagina que 85 pessoas se reuniram lá em busca de camaradagem e também de um pouco de exercício físico, num movimento de trabalhadores… E, hoje, uma DFB com milhões de filiados, então pode-se constatar que houve um enorme progresso." De fato, iniciando com 86 clubes, a DFB é hoje a maior federação esportiva do mundo, em número de associados. Contudo, o que se pretendia com a sua criação era apenas organizar um novo fenômeno social, segundo Franz-Josef Brüggemeier, professor de Sociologia da Universidade de Freiburg. "A fundação da DFB foi uma tentativa de criar uma sistemática nesse novo fenômeno do futebol, uma vez que o esporte se tornava cada vez mais popular e as equipes tinham de jogar umas contra as outras." "Antes não se conhecia algo como um campeonato, em que equipes de lugares distantes disputavam jogos. Quando isto começou a ocorrer, surgiu a necessidade de que todos os clubes jogassem de acordo com as mesmas regras, que os juízes apitassem as partidas de acordo com regras aceitas por todos. E isto tinha de ser organizado. Assim, surgiu a DFB. Em 1900, ainda existiam poucos clubes, mas já eram quase cem. E pouco depois, foram disputados os primeiros campeonatos." Leipzig, primeiro campeão da Alemanha Já em 1903, o VfB Leipzig sagrava-se o primeiro campeão alemão de futebol. Mas antes que o futebol se transformasse realmente no maior movimento de massa da Alemanha, a febre futebolística – importada da Inglaterra – teve primeiro de vencer a enorme popularidade da ginástica no país. Franz-Josef Brüggemeier: "Havia, de certa forma, um precedente esportivo, que era o dos ginastas. Eles já tinham conseguido organizar um movimento esportivo bastante amplo. Eram realizadas festas da ginástica. Os ginastas tinham, no entanto, um sentimento ambíguo em relação ao futebol: como atletas, tinham de ser favoráveis a ele, mas viam também o futebol como um concorrente." Hoje em dia, o futebol está inteiramente comercializado. O ex-presidente Braun lembra com saudosismo das épocas anteriores. "Para mim, foi fascinante a época imediatamente posterior à Segunda Guerra Mundial, quando nos reuníamos em nosso clube. Ainda não havia eletricidade. Fazíamos nossas reuniões à luz de velas, para combinar as táticas de jogo. Nossas chuteiras eram improvisadas a partir de sapatos ganhos dos soldados americanos." DFB zela pelos pequenos clubes A DFB é uma instituição de valores predominantemente conservadores. Para o jornalista esportivo Norbert Seitz, isto tem o seu lado positivo. "A globalização se disseminou de tal forma, que de repente se tornou algo de positivo a suspeita posição retrógrada da DFB, pois ela protege os pequenos clubes e cuida – não apenas na distribuição dos direitos de transmissão de jogos pela televisão – de que os clubes ricos não fiquem cada vez mais ricos, em detrimento dos demais." ______________ A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | App | Instagram | Newsletter Autor: Arnulf Boettcher (am)

Fonte: DW | dw-world.de

TAGS