PUBLICIDADE
Notícias

Cadelinha é demitida pela CIA por se recusar a farejar bombas

Apesar de ter sido demitida, o destino de Lulu teve um final feliz

16:53 | 19/10/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

A Central Intelligence Agency, mais conhecida pela sigla CIA, agência de inteligência civil do governo dos Estados Unidos, demitiu uma cadelinha porque ela não queria farejar bombas. A história de Lulu foi compartilhada no Twitter do próprio órgão nessa quarta-feira, 18.

"Nós estamos tristes em anunciar que em poucas semanas de treinamento, Lulu começou a mostrar sinais que ela não estava interessada em detectar o cheiro de explosivos", publicou a CIA em sua conta.

A demissão levou em conta o bem-estar físico e mental de Lulu. "Mesmo quando motivada com comida e brincadeiras, ela claramente não estava mais se divertindo", disse o órgão.

[VIDEO1] 

Segundo a CIA, Lulu foi adotada por seu treinador e, agora, passa seus dias brincando com crianças. "Vamos sentir sua falta Lulu, mas foi a decisão certa para ela e nós desejamos para ela o melhor em sua nova vida!", brincou o serviço secreto.

Redação O POVO Online

TAGS