PUBLICIDADE
Notícias

Macron pede retomada de negociações entre Israel e Palestina

Presidente francês defendeu a criação de um estado palestino. Negociações entre Israel e Palestina estão paradas desde 2014

16:51 | 16/07/2017
Presidente francês Emmanuel Macron e primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu
Presidente francês Emmanuel Macron e primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu
[FOTO1]O presidente da França, Emmanuel Macron, pediu neste domingo, 16, ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, a retomada das negociações entre israelenses e palestinos em vista de uma "solução de dois Estados".

Os dois líderes se encontraram na França durante uma cerimônia para recordar a chamada "rafle du Vel'd'Hiv" ("ataque ao velódromo de inverno"), que levou à deportação de judeus em julho de 1942.

Logo após a celebração, os chefes de Estado se reuniaram no Palácio do Eliseu. "A França está pronta para apoiar todos os esforços diplomáticos neste sentido", disse Macron reforçando que Israel e palestinos devem poder "viver lado a lado em fronteiras seguras e reconhecidas, com Jerusalém como a capital".

Durante o primeiro encontro bilateral entre ambos, o mandatário francês também criticou a colonização israelense nos terrritórios palestinos, lembrando o respeito ao "direito internacional".

As negociações entre os dois povos estão paradas desde o fracasso na mediação dos Estados Unidos em 2014. Recentemente, Macron recebeu o presidente palestino Mahmud Abbas. Na ocasião, ele também reiterou o apoio à solução de dois Estados.

Fonte: Ansa
TAGS