PUBLICIDADE
Notícias

Bebê de 18 dias morre após receber beijo nos EUA

A criança estava saudável quando chegou em casa após o nascimento. Uma semana depois, no entanto, ela começou a aparentar que algo estava errado

13:55 | 19/07/2017
NULL
NULL

[FOTO1]

A pequena Mariana Reese Sifrit, com apenas 18 dias de vida, morreu no hospital Blank Children's. A criança contraiu meningite por conta de um beijo recebido. O caso aconteceu nessa terça-feira, 18, na cidade de Iowa City, nos Estados Unidos.

 

Segundo a imprensa norte-americana, os médicos que atenderam a filha de Nicole Sifrit disseram que a recém-nascida foi infectada por algum parente que estava com herpes e a beijou. A partir disso, quando Mariana levou a mão à boca, acabou contraindo o vírus.

 

A neuropediatra Régia Gasparetto explica que o caso deveria ser tratado como uma encefalite, que acontece quando a inflamação se dá em todo o encéfalo - e não somente na meninge. Ela também afirmou que este tipo de situação é grave, especialmente em bebês, e que ocorre com frequência.

 

"É um vírus que pode levar à morte, sim. Provavelmente ela ainda não havia recebido todas as vacinas, o que facilitou ainda mais a transmissão. Então, qualquer contato, não precisa nem ter sido um beijo precisamente, pode ter acarretado isso", disse.

 

A neuropediatra disse que pode não ter sido exatamente o beijo. Há a possibilidade de a criança ter respirado próximo de alguém que estava doente. "Tudo acabou sendo favorável para que acontecesse um desfecho trágico", completou".

 

A criança estava saudável quando chegou em casa após o nascimento. Uma semana depois, no entanto, ela começou a aparentar que algo estava errado ao parar de comer e apresentar sinais de que estava inconsciente.

 

No hospital, os médicos confirmaram que Mariana havia contraído meningite letal. Os pais de Mariana chegaram a fazer exames, mas testaram negativo para o vírus. "Foi horrível", disse Nicole ao site WQAD. "Em algumas horas, ela parou de respirar e todos os seus órgãos começaram a falhar".

[VIDEO1]

No seu Facebook, a mãe deixou um comunicado sobre a morte do bebê: "Nossa princesa Mariana Reese Sifrit ganhou suas asinhas de anjo nesta manhã. Ela estava no colo do papai, com a mamãe ao seu lado. Em apenas 18 dias, ela transformou as nossas vidas. Esperamos agora que a história dela possa salvar outros bebês".

 

Redação O POVO Online

TAGS