PUBLICIDADE
Notícias

Menina que foi atacada por leão-marinho pode estar infectada por bactéria

Apesar da situação toda ter durando poucos minutos e da menina ter saído andando normalmente, a mordida do animal gerou uma infecção na criança

14:13 | 26/05/2017
NULL
NULL

[FOTO1]

A menina que parece em um vídeo sendo atacada por um leão marinho na semana passada na cidade de Richmond, Canadá, atualmente está internada e passa por um tratamento específico para combater uma bactéria adquirida após a mordida.

 

 

O vídeo viralizou na internet e nele é possível ver o momento em que uma garotinha de aproximadamente 5 anos é puxada para dentro d'água por um leão-marinho. Um homem que estava no local entra na água e consegue resgatar a menina.

 

Apesar da situação toda ter durando poucos minutos e da menina ter saído andando normalmente, a mordida do animal gerou uma infecção na criança. O pai da menina contou a uma emissora de televisão local que o corte foi muito pequeno mas os médicos prescreveram antibióticos.

 

Alguns dias depois, veterinários especialistas do Aquário de Vancouver avisaram a família que uma mordida desse animal pode causar infecção por bactéria chamada popularmente de “dedo de foca”, cujo nome científico é mycoplasma phocacerebrale, que se não tratada adequadamente com antibióticos específicos, pode causar gangrena, provocar amputação e até mesmo a morte da pessoa.

 

Redação O POVO Online

TAGS